Relva

A relva assume um papel de destaque em qualquer jardim. Quando se pretende criar um espaço verde natural, a nível de tipos de relva dispomos de três soluções: relva em tapete (só precisa de ser estendida para ter um efeito imediato), escalracho (demora mais tempo a crescer, mas não exige muita manutenção) e relva em sementeira (opção mais económica, contudo, tem um crescimento mais lento).

Também de efeito imediato e com reduzido custo de manutenção, pode optar por relva artificial, de vários tipos e com excelente relação qualidade/preço.

A Sograma torna cada jardim num espaço único e adaptado à sua funcionalidade. Os nossos técnicos garantem não só uma eficaz aplicação da relva como também adequados sistemas de rega e um plano de manutenção personalizado.

Este plano de manutenção de relvados é delineado respeitando o meio ambiente, através da identificação precoce de doenças e do recurso a práticas culturais sustentáveis, assegurando, deste modo, que o seu jardim esteja sempre com a melhor apresentação.

Escalracho

O escalracho é uma espécie vegetal muito resistente, de reduzida manutenção, que permite ao cliente ter um espaço verde e cuidado por longos períodos de tempo.

Sendo uma espécie que não precisa de muita água e que aguenta bem o pisoteio de animais e de pessoas é, muitas vezes, a eleita para jardins públicos e privados cujo objetivo passa por economizar em termos de manutenção.

Este tipo de relvado deve ser plantado nos meses de maior calor para se conseguir uma boa cobertura de todas as zonas. Nos meses mais frios o crescimento abranda, mas o relvado mantém-se verde, garantindo sempre um jardim em ótimo estado.

Relva em tapete

A relva em tapete é a solução mais adequada quando o objetivo é ter um jardim verde de forma imediata e natural. Esta opção tem inúmeras vantagens, nomeadamente ter uma aplicação rápida e uniforme e ser muito resistente, pois a relva já integra uma base de terra vegetal, o que dificulta, numa fase inicial, o crescimento de plantas infestantes.

Relva em Sementeira

A relva em sementeira é muito utilizada por ser a opção mais económica. Este tipo de relva demora algum tempo a cobrir a totalidade da área semeada, não proporcionando um efeito imediato. A altura mais adequada para a sementeira são os meses mais amenos, evitando o pico do verão que pode prejudicar o crescimento da semente.

Relva artificial/sintética

A relva artificial é a opção indicada para espaços – jardins, terraços ou coberturas – que se querem com a beleza da relva natural, mas sem os custos e os esforços que esta exige no dia a dia.

A nível económico, o consumo da água e a manutenção são mais reduzidas, pois a relva artificial não precisa de água, pesticidas, herbicidas, adubos, máquinas e de outras ferramentas de jardinagem. Por outro lado, no que diz respeito ao tempo, também se economiza, já que não tem de “perder” horas a tratar da sua relva.

Como no mercado existem vários tipos de relva artificial, deste modo, poderá escolher a que melhor se adequa ao que pretende.

Hidrossementeiras

A hidrossementeira é uma técnica de aplicação rápida, económica e eficaz de cobrir vegetalmente qualquer tipo de superfície em terrenos inclinados para garantir a estabilização de terras, taludes e áreas de grande dimensão e de difícil acesso.

Esta solução baseia-se numa mistura que é projetada no terreno, a qual proporciona um ambiente ideal à germinação da semente e ao rápido desenvolvimento de uma cobertura vegetal densa.

As hidrossementeiras são muito utilizadas em prados, na estabilização de taludes e na recuperação de áreas ardidas.

Consulte a nossa galeria para ver exemplos das soluções de aplicação da relva disponibilizadas pela Sograma.
Ver galeria

© Copyright - Sograma | Powered by WebSystems

Em caso de litígio o consumidor pode recorrer a uma Entidade de Resolução Alternativa de Litígios de Consumo. Centro de Arbitragem de Conflitos de Consumo de Lisboa www.centroarbitragemlisboa.pt.
Mais informações em Portal do Consumidor www.consumidor.pt